Social Media APIs - Parte I

Apr 19, 2011

A fim de promover uma melhor experiência do usuário com a aplicação, muitos sites tem integrado funcionalidades de plataformas externas à sua aplicação através das famosas APIs.

Essa pequena série, dividida em três posts, pretende dar um rápido overview sobre as APIs das principais redes sociais.

Pra começar, vamos falar um pouco sobre as APIs do Facebook e Vimeo. E depois sobre as do Foursquare, Twitter, Youtube e Flickr.

Facebook API

A chamada Facebook Platform permite que você construa aplicativos para o próprio Facebook ou para Web, oferecendo uma coleção de APIs e SDKs.

  • Social Plugins - Um conjunto de plugins que facilitam a incorporação de elementos do Facebook ao seu site com um simples copy & paste. Um bom exemplo disso é o famoso Like Button, extremamente difundido por conta da facilidade de uso através de um <iframe>.

  • Graph API - É o filé da Facebook Plataform, usado para ler e gravar dados dos objetos (Pessoa, Foto, Evento, Página, etc) fornecidos pelo site.

  • Authentication - Permite incorporar à sua aplicação uma autenticação de login através da conta do próprio Facebook. Interage com a Graph API assim que a autenticação é concedida, oferecendo ao site todos os dados do usuário.

Exemplo: https://graph.facebook.com/zenorocha

{
  "id": "1021864713",
  "name": "Zeno Rocha",
  "link": "http://www.facebook.com/zenorocha",
  "username": "zenorocha",
  "gender": "male",
  "locale": "en_GB"
}

Para exemplificar, usamos a Graph API para obter as informações básicas de um usuário. O retorno é um JSON com as informações do usuário, depois é só manipular de acordo com o seu interesse.

Além disso é possível encontrar na Facebook Plataform o SDK que mais se adequada a sua linguagem preferida, são eles: JavaScript SDK, iOS SDK (iPhone & iPad), Android SDK e PHP SDK.

Mais informações: http://developers.facebook.com

Vimeo API

Este serviço de compartilhamentos de vídeos é outro que possui uma ótima documentação de suas APIs. Ao todo são disponibilizadas quatro “modalidades”, são elas:

  • Simple API - É a interface mais simples de acesso aos dados públicos do Vimeo que são obtidos através de JSON, XML ou PHP.

  • Advanced API - Como o próprio nome já diz, aborda métodos mais avançados e para tais consultas é necessário registrar uma application.

  • oEmbed - É um padrão aberto para embedar fotos e vídeos. Você pode usar a url de um vídeo qualquer do Vimeo e gerar esse código <oembed> facilmente.

  • Moogaloop - É o estranho nome do video player do Vimeo, nessa API é possível configurar o player com as linguagens Javascript ou Actionscript 3.

Exemplo: http://vimeo.com/api/v2/zenorocha/info.json

{
  "id":"6796565",
  "display_name":"Zeno Rocha",
  "location":"Rio de Janeiro",
  "url":"http://zenorocha.com",
  "profile_url":"http://vimeo.com/zenorocha",
  "total_videos_liked":3
}

No nosso exemplo, utilizamos a Simple API, numa chamada que consiste em 3 atributos, são eles: username, request e output:

http://vimeo.com/api/v2/username/request.output

Ao todo são 3 opções de output, JSON, PHP e XML. Já o número de requests são muitos e podem ser encontrados com mais detalhes no site.

Mais informações: http://vimeo.com/api